Trabalhando com Moda – Tudo o que você precisa saber.

08/06/2011 § Deixe um comentário

Como eu, que desejo trabalhar com moda, me encaixo num mercado que passa por este momento de enorme concorrência e crescimento?

De fato o mercado é enorme e muito se engana quem pensa que o trabalho no mundo fashion limita-se àquele das modelos e passarelas! Existem diversos ramos e profissões ligados ao mercado da moda no Brasil.

São elas: Agente de Modelo, Assessoria de Imprensa, Consultora, Consultora de Imagem, Desenvolvimento de Produtos, Fotografo de Moda, Figurinista, Estilista, Produtora de Moda, Produtor de Desfiles, Cabeleleiro/Maquiador, Comprador de Varejo, Jornalista de Moda, Modelista, Vendedora, Produção Executiva de Desfile, Editora de Moda e Modelo. Todos estes ramos exigem profissionais com as mais diversas formações, que fazem o mundo da moda girar. Este mercado vai muito além da beleza e abarca um gigantesco emaranhado de serviços que compõem o Fashion Business.

A dica é ler. Ler muito! E não apenas sobre moda, o importante é ter muita informação para conseguir escolher entre o que é bom e o que não é. O que é bonito e o que não é.

A moda faz parte do nosso dia a dia. E mesmo quem se considera fora deste mundo sofre influências na hora de consumir seus produtos. Escolher, comprar e vestir é parte importante da nossa cultura e imagem pessoal, que depende de escolha ligada ao momento, tanto do indivíduo quanto do mundo que o cerca. Isso nos ajuda a compreender o impacto da moda muito além da cultura, já que está entre os mercados que mais movimentam valores econômicos em todo o mundo.

No filme O Diabo Veste Prada a personagem de Anne Hathaway vence pela competência e perseverança para entrar no mundo fashion.

Além dos estudos, outro fator importante é a atitude: É importante prestar atenção nas relações que construímos. Tratar bem as pessoas, ser educado, ter palavra e sempre se lembrar de ser você mesmo. Não tentar andar seguindo um trilho que não é seu! Ser autêntico, humilde e ter foco no trabalho serão os alicerces para a construção da imagem profissional. Perseverança também é a palavra de ordem. O mundo da moda não é complicado nem injusto, apenas muito seletivo. Por isso a regra é seriedade e confiabilidade em todas as atitudes.

Este artigo você encontra também no By Marina.

Anúncios

Onze anos depois de Lady Di …

01/06/2011 § Deixe um comentário

…é a vez de Catherine e William estamparem a capa da Vanity Fair.

Em Julho de 1997, a eterna Princesa, Lady Di, posou para as lentes de Mario Testino e foi uma das capas mais belas da revista inglesa:


O fotógrafo, que foi amigo pessoal de Diana, registrou William e Harry durante a vida toda, também fotografou o casal Catherine e William antes do casamento, e essas fotos, você pode ver nesse post aqui.

A capa da Vanity Fair de Julho desse ano já foi revelada e, exatamente quatorze anos depois, o casal real estrela a mesma capa de Lady Di:


Lindos não é? Uma bela homenagem à nossa eterna Princesa, feita pelos futuros Príncipes e por seu amigo, Testino.

Vale a pena tentar comprar!

Conhecendo sua essência e sua história. – Xadrez

31/05/2011 § 1 comentário

Que a xadrez é uma estampa geométrica todas sabemos, mas o que vocês não sabem é que fazem parte da história humana, no Ocidente a origem da estampa xadrez pode ser encontrada já na Idade do Ferro (700 a 50 a. C.), foi no Norte da Europa, mais especificamente nos pântanos da Alemanha e da Dinamarca que escavações arqueológicas descobriram vestígios de sacrifícios humanos nos quais foi possível identificar as padronagens têxteis das roupas das vítimas. Eram quase exclusivamente de tecidos xadrez em fio de lã. É parece que o xadrez não teve uma origem muito meiga, será que os punks da década de 80 sabiam disso?
O tecido xadrez (check) foi criado por proprietários de terras na escócia, durante o século XIX, como alternativa para o tartã, considerado inadequado ao uso diário ou ao trabalho. Durante o século XX, foi usado, a princípio, somente em ternos e casacos masculinos, mas logo tornou-se popular para as mulheres em costumes, mantôs, xales, saias, vestidos e na década de 60 também passou a ser usado em calças femininas.


O xadrez vermelho e branco é conhecido por padronagem “Medevi square” e considerado a marca registrada do xadrez sueco assim como a padronagem xadrez branco e preto é conhecido como “Vichy”. Foi Chanel quem introduziu o xadrez nas roupas femininas, anteriormente popularizadas entre os homens no período eduardiano (pelo príncipe de Gales Eduard).


Na década de 70, com o surgimento dos punks o xadrez foi usado como detalhes e tinha a intenção de ironizar e romper com os ícones culturais, exigindo mudanças sociais e comportamentais. Vários estilistas famosos lançaram calças nessa padronagem, entre eles a inglesa Vivienne Eastwood .

Para combinar com uma peça de baixo xadrez, a regata branca pode ser um coringa. Além de dar certo com o branco, a estampa permite outras sobreposições, como uma blusa azul escura. Mas quem quer mergulhar no xadrez total também está liberado. Uma bermuda mais comprida xadrez pode combinar perfeitamente com uma blusa, também xadrez, com botão largo perto do pescoço. É famoso xadrez com xadrez. Segundo os especialistas, para cair na moda sem errar basta seguir algumas dicas:

  • Puxar do xadrez uma cor que se casa com a outra peça.
  • Se o xadrez for pesado, escuro, procure o tom certo, por exemplo, calça xadrez com marrom combina com blusa bege.

Seguindo essas regras, o xadrez pode ser usado, até com listrados e florais. Para não engordar, preste atenção no desenho dos quadrados. A linha mais escura deve ser vertical. E quem tem no guarda-roupa um xadrez no estilo festa de São João também pode ir trabalhar com ela.

Desfile da Acquastudio Outono/Inverno 2011

O xadrez mais descontraído é aquele colorido (que mistura, pelo menos, 3 cores), com quadrados grandes. Esse é o tipo mais indicado para ser usado no verão. No inverno, deixe encostado. O xadrez mais sóbrio tem linhas finas, cores escuras e que até te permite misturar com outra estampa. Mesmo a estampa tendo um tamanho menor, ela sempre será notada.

As 30 mulheres mais bem vestidas

30/05/2011 § Deixe um comentário

A Glamour’s Magazine elegeu as trinta mulheres mais bem vestidas do ano de 2011. Veja abaixo o Top 10:

1. Emma Watson 2. Cheryl Cole 3. Kristen Stewart 4. Dannii Minogue 5. Alexa Chung

6. Rihanna 7. Kate Moss 8. Blake Lively 9. Olivia Palermo 10. Lea Michele

Dentre as outras colocadas, se destacaram Jennifer Aniston na 11ª posição,  Ashley Greene na 12ª, Victoria Beckham na 15ª, Diane Kruger na 17ª, Leighton Meester na 18ª.

Também está na lista a nossa mini Diva Suri Cruise na 21ª, Keira Knightley na 22ª, a eterna Diva Fashionista Sarah Jessica Parker na 23ª, Katy Perry na 27ª e a excêntrica e ousada Lady Gaga na 28ª.

Como toda lista, essa também causou controvérsias. Eu acho que tem alguns probleminhas ali no Top 10, mas… E vocês, o que acham? Contem pra nós!

Renda do dia: Rose Byrne

27/05/2011 § 1 comentário

Ontem aconteceu em New York a première do filme “X-Men: First Class” e a atriz Rose Byrne apareceu com esse Marc Jacobs rendado BAPHO!

Os sapatos nude lindos e totalmente a cara do vestido são Brian Atwood!

Eu adorei essa make simples, nude e com destaque nos olhos, com delineador grossão e de gatinho: tendência! O cabelo impecável e preso, o que dá total destaque ao vestido.

Linda né?

Mulheres notáveis

26/05/2011 § Deixe um comentário

Elas sabem se vestir, são talentosas e arrancam suspiros e olhares de homens e mulheres mundo afora. São nove das muitas mulheres que fazem os olhinhos desta blogueira brilhar!

Kate Moss: uma das maiores modelos do mundo, Kate sabe impor sua identidade sem se importar com os paparazzi que a seguem. Tem um histórico de uso de drogas e escândalos na mídia, mas seu talento passa por cima e ela supera, sempre.

Blake Lively: ela é nova, bonita, sensual e tem um bom gosto indiscutível na hora dese vestir. A fama de Blake ganhou proporções mundiais através do seriado Gossip Girl, onde ela interpreta Serena Van Der Woodsen. O estilo da garota evoluiu tanto que, hoje, ela é a queridinha de Karl Lagerfeld, rostinho da Chanel e amada de Louboutin.

Jennifer Aniston: a rainha dos cabelos perfeitos reina soberana entre toda as listas que são feitas pelo mundo afora. A atriz de 42 anos, ex de Brad Pitt, foi considerada a mulher mais bonita e sexy da última década pela “People“. Tá podendo!

Victoria Beckham: essa mulher é impecável! Casada com o must have David Beckham, mãe de três meninos (Brooklyn, Romeo e Cruz) e grávida de uma menininha, a Posh Spice não perde a pose e se mantém estilosa e chic como sempre. Victoria tem sua própria grife, usada por mulheres como Gisele Bündchen.

Leighton Meester: outra Gossip Girl na lista. Esa é minha menina dos olhos, vocês sabem! Leighton, além de atriz, também é cantora (das talentosas!) e é uma fashionista de mão cheia. Não se importa com o que vão falar de seus looks, às vezes meio duvidosos, ou de suas makes, às vezes exageradas. A BFF de Marc Jacobs não tem medo de arriscar e faz a diferença!

Keira Knightley: essa menina me ganhou com sua atuação em Orgulho e Preconceito. Um filme épico e uma personagem difícil de interpretar, deram à ela mais crédito que necessário em Hollywood. Keira já foi rostinho de comercial da Chanel (veja aqui) e sempre capricha nos red carpets, com seu inconfundível estilo inglesinha de ser.

Sarah Jessica Parker: minha Diva mor! A atriz, eterna intérprete da nossa amada fashionista Carrie Bradshaw, mulher do ator Mathew Broderick, mãe de James, Marion e Tabitha, consegue, aos 46 anos, manter a pose de mulher naturalmente bonita, sem plásticas ou excesso de maquiagens. Envelhecimento digno!

Cate Blanchett: uma mulher singular. Ao interpretar a Rainha Elizabeth, nos épicos Elizabeth e Elizabeth: the golden age, Cate obrigou o mundo a vê-la como uma atriz que ia além de um rosto bonito e de um corpo em forma. Ela é uma daquelas atrizes que nunca erra em red carpet e que também envelhece dignamente. Ponto pra ela!

Mary-Kate e Ashley Olsen: as gêmeas mais famosas do mundo, vem construindo sua carreira desde os nove meses, quando ambas interpretaram a terrível e encantandora Michelle em Full House. Lindas e simpáticas desde sempre, as meninas se tornaram ícones da moda ainda na adolescência e, hoje, com carreiras estabelecidas fora das telas, elas continuam sendo it-girls. Inspiração em dose dupla!

Em breve, Mulheres Notáveis II :p

Vermelho do dia

25/05/2011 § 1 comentário

Dita Von Teese passeou nessa terça-feira com um vestido vermelho maravilhoso e de arrancar suspiros!

A Diva passou na loja de Vivi Westwood e mostrou que um simples hopping day pode ser chic e fashionist!

Nos detalhes, tem bolsa e sapatos com estampas combinando (tem que ser coisa mínima pra não ficar feio), os óculos de gatinha (provavelmente da Dior) fazem o conjunto Pin-Up com a make perfeita e na ultima foto, dá pra ver o penteado, que seria um coque meio de lado, simples (?) e chic.

Uma coisa que eu sempre ressalto quando falo de Dita: é uma mulher que, principalmente no dia-a-dia, consegue ser chic e sensual sem ser vulgar. Aprendam, piriguetes de plantão!